Muitos se perguntam porque nenhuma providência foi tomada até hoje para impedir os abusos cometidos dentro dos Arautos do Evangelho.

O fato é que os pais e as famílias sofreram calados durante todos esses anos, por não saberem a quem recorrer, por medo. Todos sabem que os Arautos do Evangelho são manipuladores e exercem um grande poder de intimidação.
É PRECISO CORAGEM e quando se tem a verdade, os pequenos se tornam grandes, os poucos se tornam muitos, o medo desaparece, o desejo de justiça se torna maior que tudo.
Não é justo permitir que crianças continuem sendo submetidas aos delírios de João Scognamiglio Clá Dias. Os Arautos do evangelho:

  • Atraem crianças para essa seita;
  • Afastam as crianças de seus pais, da família, do mundo;
  • Fazem lavagem cerebral;
  • Destroem a identidade das crianças;
  • Inserem princípios destrutivos e próprios dessa seita.

Os relatos confirmam os abusos.

Os Arautos mentem quantos aos seus reais objetivos. Se passam por uma entidade católica, se passam por um colégio que oferece um ensino de nível internacional, para que os pais se sintam seguros em entregar seus filhos. Mas dentro dos castelos a verdade é outra, induzem a vocação na crianças desde muito cedo, as MENINAS fazem promessas de castidade e se entregam como bode expiatório, todos sofrem bullying, e se afastam dos pais e da família por MEDO.

As crianças são submetidas a níveis elevados de estresse. Sim, porque é dito para a criança que se ela for para a casa dos pais ela ficará burra, irá para o inferno. Os pais passam a ter dificuldade para se comunicar com os filhos e obter informações.

As tentativas de intimidar e calar as vítimas são cruéis e covardes, além de toda perturbação causada no período que a pessoa está sobre o controle da instituição, após à saída começam a culpar família e ex-membro.

No início do recrutamento as famílias sofrem pressões para deixar que seus filhos participem, frases como:

  • “melhor estar aqui que nas drogas”,
  • ” Ele(a) é um escolhido”
  • “Ele (a) que escolheu é preciso respeitar”

são repetidas massantemente causando coação e induzindo as famílias a não questionarem absolutamente nada ou serão tidas como ingratas. Caso a família consiga enxergar a verdade há tempo, ou até mesmo o recrutado peça socorro começa o processo de culpabilização. Colocam famílias e ex membros como péssimas pessoas, na tentativa de não permitir que outras famílias façam contato e tenham acesso à VERDADE.

Vídeos mostraram João Clá praticando “exorcismos”, numa demonstração clara de abuso físico e psicológico.

Outro ponto que merece atenção no episódio dos “exorcismos” é que as chamadas “possessões” (pessoas possuídas pelo demônio) só aconteciam em meninas, fato esse confirmado por ex-integrantes.

Além dos abusos físicos e psicológicos, fica clara a relação de dominação, de poder desigual entre os gêneros.

São questões que devem ser analisadas pelo Vaticano e pelas autoridades.

As investigações NÃO estão encerradas, os processos NÃO estão arquivados! Muitas pessoas já falam sobre esse assunto, existem grupos de ex membros espalhados em redes sociais compartilhando diariamente experiências dos abusos que sofreram, muitas vítimas tem um bloqueio para denunciar, talvez por medo de represálias, talvez por achar que a impunidade prevalecerá, vergonha ou até mesmo em uma tentativa de recomeçar a vida.

RECOMEÇO ESSE TÃO DIFÍCIL! Esse é outro ponto que traz grande preocupação, uma vez que o colégio não prepara se quer para passar em um vestibular. Os adultos tem dificuldades para se adaptarem ao mercado de trabalho e os relacionamentos interpessoais e familiares são o maior desafio nessa NOVA VIDA. Os Arautos do Evangelho deveriam preparar as pessoas para esse recomeço, partindo do princípio que a ROTATIVIDADE é uma outra característica do grupo.

Não sabemos de tudo que acontece dentro dos Arautos do Evangelho mas os relatos e as provas que existentes nos levam a concluir que se trata de uma seita manipuladora, com princípios destrutivos, cujo objetivo é o recrutamento de crianças para torná-las ESCRAVAS DE JOÃO CLÁ.

IDOLATRANDO PLÍNIO, LUCÍLIA E JOÃO CLÁ, o que não seria um grande problema… Desde que exposto!!! Para que quem assim desejar seguir essa doutrina.

PRECISAMOS DE RESPOSTAS E NÃO VAMOS NOS CALAR… ESTAMOS JUNTOS E IREMOS ATÉ O FINAL, ATÉ QUE A JUSTIÇA SEJA FEITA!